Domingo, 15 de Setembro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Pannunzio lança obras do primeiro conjunto residencial do seu governo O Residencial Jardim Carandá situa-se no bairro Caguaçu

Publicada em 29/04/2013 às 22:07
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

No local onde já se iniciou a construção das casas, o prefeito ressalta a importância de todos (Município, Estado e União) estarem unidos pelo bem do povo sorocabano (Foto: Mário Chaves)
Na manhã desta segunda-feira (29), o prefeito Antônio Carlos Pannunzio lançou as obras do núcleo habitacional que vai beneficiar famílias com renda de até três salários mínimos, por meio do programa "Nossa Casa". O lançamento foi feito na área onde agora começou a ser construído o Residencial Jardim Carandá, na rodovia Emerenciano Prestes de Barros, quilômetro 3,5, no bairro Caguaçu.

Esse conjunto habitacional, que deve beneficiar mais de 10 mil sorocabanos, conta com recursos de R$ 226,304 milhões do programa habitacional federal, "Minha Casa Minha Vida" e do governo do Estado de São Paulo, "Casa Paulista". A Prefeitura de Sorocaba cuidará de toda a infraestrutura nas áreas da educação, saúde, segurança, transporte, cultura e lazer, e também irá selecionar as famílias que vão morar nas unidades.

O conjunto habitacional terá 2.560 apartamentos de 47 metros quadrados, constituído por 160 blocos com quatro pavimentos, ou seja, 16 unidades por bloco, construídos numa área de 250 mil metros quadrados. As unidades serão destinadas às famílias com renda de até R$ 1,6 mil por mês. Elas serão selecionadas por meio dos cadastros no programa municipal "Nossa Casa". A análise financeira será feita pelo Banco do Brasil e o prazo para pagamento é de 120 meses, com parcelas mensais na faixa de R$ 100 por família.

A obra está sendo executada pela Construtora Direcional Engenharia, de Belo Horizonte (MG), que informou que a entrega do residencial será daqui a 18 meses. Outra novidade está por conta da Secretaria de Relações do Trabalho, que ajuda no encaminhamento da mão de obra para o empreendimento, já que, no pico da obra, previsto para dezembro de 2014, devam ser necessários 1.500 trabalhadores.

O prefeito Antônio Carlos Pannunzio agradeceu o empenho às esferas municipal, estadual e federal pelo bem da cidade. "A gente sabe da alegria da construção de casa, pois esse é o maior sinônimo para a palavra família. Também gostaria de deixar claro aqui a nossa satisfação de poder ajudar, independentemente das bandeiras partidárias, tanto nós do município, como governo do Estado e a União. Todos pelo bem do povo sorocabano."  

 

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar