Terça-Feira, 17 de Setembro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Com sofrimento, Santos ganha do Palmeiras e conserva sonho do tetra

Publicada em 27/04/2013 às 20:34
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

A defesa de Rafael foi uma das garantias para a vitória santista (Foto: Estadão Conteúdo)
Foi sofrido, mas o Santos venceu o clássico com o Palmeiras nos pênaltis ontem, na Vila Belmiro, e garantiu sua vaga na semifinal do Paulistão. Após o empate por 1 a 1 no tempo normal, a equipe da casa contou com o goleiro Rafael, herói da classificação ao defender duas cobranças, de Kleber e Leandro, para eliminar o rival e garantir o direito de brigar por uma vaga na decisão. Além disso, os santistas mantêm o sonho de conquistar um inédito tetracampeonato estadual.

O Santos estava reforçado com sua principal estrela. O atacante Neymar era dúvida para a partida por causa de dores musculares na coxa esquerda, mas passou nos testes realizados no vestiário e foi a campo. O jogador, no entanto, esteve longe de seus melhores dias e perdeu muitas chances de gol. 

Depois de ficar à frente durante quase todo o jogo, com o gol de Cícero ainda no primeiro tempo, o time santista cedeu o empate aos 38 minutos da segunda etapa, Kleber marcou, mas foi mais competente nos pênaltis, acertando todas as cobranças e saindo com a vitória na Vila Belmiro.

O CLÁSSICO - Quem começou melhor foi o Palmeiras, que comandou as ações no início da partida. A primeira grande chance da equipe aconteceu aos 10 minutos. Vinícius fez grande jogada pela esquerda, tabelou, passou por Alan Santos e cruzou para Leandro, que desviou rente à trave do goleiro Rafael.

O Santos respondeu no minuto seguinte. Arouca tabelou com Montillo e tentou cruzar, mas a bola pegou efeito e foi na direção do gol. Bruno estava esperto e evitou o gol santista. Mas na cobrança de escanteio não teve jeito. Neymar dominou sozinho dentro da área e bateu cruzado, de esquerda. A bola não ia na direção do gol, mas Cícero desviou e fez 1 a 0 aos 12 minutos.

Em lance pela esquerda, Neymar passou, deixou Henrique para trás e cruzou. André só não marcou o segundo porque Marcelo Oliveira estava esperto e tirou antes que ela chegasse no atacante santista. 

O jogo ficou pegado, com muitas faltas e poucas chances de gol, até os últimos minutos do primeiro tempo. Até que, aos 37, Edu Dracena ganhou pelo alto, tocou de cabeça para tirar do zagueiro e encheu o pé de fora da área. Bruno desviou a bola, que ainda bateu no travessão, e impediu um golaço.

As chances perdidas por Neymar fariam falta porque o Palmeiras chegaria ao empate aos 38 minutos. Souza recebeu pela direita, cortou a marcação e cruzou de esquerda na medida para Kleber, que subiu sozinho no meio da zaga santista e cabeceou forte, sem chances para Rafael, garantindo o empate.

O jogo foi para os pênaltis e, logo na primeira cobrança, Kleber passou de herói a vilão, em pênalti defendido por Rafael. O goleiro santista pegou ainda a cobrança de Leandro. Souza e Wesley fizeram para o Palmeiras, mas Miralles, Cícero, Montillo e Renê Júnior marcaram para o Santos, garantindo a classificação para as semifinais.
 
 
Corinthians quer se vingar da Ponte hoje 

Um ano depois, o Corinthians reencontra a Ponte Preta nas quartas de final do Campeonato Paulista com sede de vingança. A vontade do time em dar o troco na equipe de Campinas depois da eliminação em 2012 em pleno Pacaembu é tanta que Tite nem cogitou a possibilidade de poupar algum jogador na partida de hoje, às 16 horas, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, apesar de o time da capital ter um duelo decisivo contra o Boca Juniors, nesta quarta-feira (1º), em Buenos Aires, pelas oitavas de final da Copa Libertadores. Só não estarão em campo os atletas que realmente não têm condições de jogo, casos de Cássio, Renato Augusto (machucados) e Jorge Henrique (suspenso). 

A eliminação diante da Ponte Preta no ano passado foi um marco na temporada corintiana. A equipe avançou às quartas de final do Paulistão com a melhor campanha do Estadual, enquanto que a de Campinas se classificou apenas como oitava colocada. Favorito e com o Pacaembu lotado, o Corinthians perdeu por 3 a 2, com duas falhas de Júlio César. O goleiro, então, foi para a reserva e Cássio assumiu o gol contra o Emelec, pelas oitavas da Libertadores, e depois de acumular boas atuações acabou o ano como um dos heróis dos títulos continental e mundial.

Agora, o cenário é diferente. A Ponte Preta fez melhor campanha e tem a vantagem de jogar em casa. Tite, porém, espera que o time possa tirar proveito das lições da eliminação de 2012. "A gente aprende vencendo e perdendo. Mas é preciso avaliar o processo e não apenas o resultado", disse Tite.

PONTE PRETA - A Ponte Preta não deve ter grandes novidades. Apesar de tentar esconder a escalação, com treinos fechados durante toda a semana, o técnico Guto Ferreira não tem "muito o que despistar". O substituto do meia peruano Ramirez deve mesmo ser o atacante Rildo, que começou o coletivo-apronto entre os titulares, na última sexta-feira.


Ney Franco não deseja surpresas para o jogo contra o Penapolense 

Melhor campanha na primeira fase do Campeonato Paulista, o São Paulo enfrenta hoje o azarão Penapolense, às 18h30, no estádio do Morumbi, e o técnico Ney Franco não quer nem falar sobre a possibilidade de uma surpresa. Ciente de que o time do interior, que é o caçula da elite estadual, disputará o principal jogo de sua história, ele pede concentração total aos seus jogadores. "Camisa não ganha jogo. Sabemos que temos mais tradição, só que podemos ser surpreendidos e não queremos isso".

Ney Franco já esteve do outro lado quando treinava o Ipatinga na decisão do Campeonato Mineiro de 2005. Na ocasião, fez sua equipe derrotar o favorito Cruzeiro e obter a conquista mais expressiva do clube até hoje. 

Como as quartas de final são disputadas em jogo único, e o empate leva a decisão para os pênaltis, qualquer erro pode ser fatal. Por isso, o São Paulo ensaiou durante a semana a mesma marcação, pressão que fez diante do Atlético Mineiro no confronto pela Copa Libertadores. O aproveitamento do treinador em partidas de eliminação direta é muito alto e desde que chegou ao SãoPaulo foram 12 jogos, com seis vitórias, cinco empates e uma derrota. 

O São Paulo não poderá contar com o meia Maicon, que ainda se recupera de um estiramento na coxa esquerda e voltou a treinar no gramado apenas na última sexta-feira (26), o volante Fabrício, que tem uma contusão no tornozelo direito, e o zagueiro Rhodolfo - que cumprirá suspensão.
 

Bom resultado de 2012 motiva Átila Abreu em Tarumã

O sorocabano Átila Abreu, carro #51 da equipe Mobil Super Pioneer Racing, disputa hoje, no berço da Stock Cara, a terceira etapa da temporada 2013 em Tarumã-RS, palco da primeira prova da história da principal categoria do automobilismo brasileiro em 1979.

“Tarumã é uma das pistas mais desafiadoras do Brasil”, resume o piloto sorocabano. Átila foi o segundo colocado na prova realizada lá no ano passado. Segundo ele, o traçado gaúcho é um dos mais velozes do ano. “São várias curvas de alta e tem apenas uma freada forte, o laço, que todo mundo contorna por dentro. Então, ultrapassar não vai ser fácil, principalmente porque a pista é estreita; e a posição no grid será fundamental”, afirmou.

Átila aproveitou a folga de cinco semanas no calendário para um amplo estudo do comportamento dos novos pneus nas duas provas já realizadas em 2013. “Além disso, no ano passado fizemos bem o trabalho e o Átila terminou em segundo lugar." A prova tem transmissão ao vivo pelo Sportv às 11 horas deste domingo.
 
 
Classificação do campeonato após 2 etapas
 
1º) Daniel Serra (Red Bull Racing/Chevrolet), 41 pontos
2º) Cacá Bueno (Red Bull Racing/Chevrolet), 40
3º) Ricardo Maurício (Eurofarma RC/Chevrolet), 38
4º) Valdeno Brito (Shell Racing/Peugeot), 37
5º) Max Wilson (Eurofarma RC/Chevrolet), 29
6º) Tuka Rocha (BMC Racing/Chevrolet), 25
7º) Átila Abreu (Mobil Super Pionner Racing/Chevrolet), 2


Cinco jogos fecham quarta rodada do Varzeano  

Termina hoje a quarta rodada da Taça Cidade de Sorocaba, a primeira divisão do Campeonato Varzeano, com quatro jogos do grupo B. Todas partidas começam às 10 horas, segundo a tabela da Semes (Secretaria Municipal de Esportes).

Os jogos fazem parte do grupo B e estão assim marcados: João Romão x Palestra, no Bráulio Clemente/Canto do Rio; Alvorada/Jardim Refúgio x Ipê FC; Galácticos x América FC, CE Maria Eugênia; Nova Sorocaba x Cajuru do Sul, Ariovaldo Mendes/Nova Sorocaba; e ainda, Avenida x Paulistano, Izaltino Walter/Avenida.

Na semana passada, pelo grupo A, os resultados da quarta rodada foram estes: Gunhê 5x1 Corinthinha do Éden, CE Brigadeiro Tobias; Paranazinho 3x1 Jardim dos Estados, Vitalino Pagliato; Jardim Planalto 0x1 Vila Helena, CE Dr. Pitico; Nova Esperança 1x1 América de Lopes de Oliveira, Luciano Pelegrini; Beira Rio 1x1 Santa Terezinha, Izaltino Walter/Avenida.

A CLASSIFICAÇÃO - Grupo A - 1) Vila Helena, 12 pontos; 2) Paranazinho, 9 pontos; 3) Beira Rio, 8 pontos; 4) América de Lopes de Oliveira, 7 pontos; 5) Nova Esperança, 6 pontos; 6) Gunhê, 5 pontos; 7) Jardim dos Estados e Santa Terezinha, 2 pontos; 9) Jardim Planalto e Corinthinha do Éden, 1. Grupo B - 1) Cajuru do Sul e América, 9 pontos; 3) Paulistano, 6; 4) Nova Sorocaba, João Romão e Ipê, 4; 7) Alvorada, Galácticos, 3; 9) Avenida, 1; 10) Palestra, 0 ponto.


Votorantim tem disputas da 7ª rodada do varzeano 

Ocorre hoje, às 9h45, em Votorantim, a sétima rodada da primeira fase do Campeonato Varzeano da primeira divisão. Segundo a Secretaria de Esportes local, a rodada marca estas partidas: Fluminense x Vila Amorim, no Fluminense; MC Jardim Clarice x Guanabara, Jardim Clarice; Cachoeira x São Lucas, Chave (ou Estádio); Flamengo x Votocel, Flamengo; Rio Acima x Grêmio São João, Cermag; Vila Garcia x Jardim Clarice, Vila Garcia.

Veja a classificação após seis rodadas - 1) Jardim Clarice e São Lucas, 13 pontos; 3) Grêmio São João, 12 pontos; 4) Flamengo, 11 pontos; 5) MC Jardim Clarice, 9 pontos; 6) Votocel, 8 pontos; 7) Rio Acima, 7 pontos; 8) Vila Garcia e Cachoeira, 5 pontos; 10) Guanabara, 4 pontos; 12 Vila Amorim, 1 ponto; 11) Fluminense, 0 ponto.


Técnicos da Semes iniciam curso prático de gateball 

A Semes (Secretaria Municipal de Esporte) começou na sexta-feira (26) um curso de gateball para técnicos de esportes da pasta na sede da União Cultural e Esportiva Nipo-Brasileira de Sorocaba (Ucens). Sob o comando de Walter Kimura, os profissionais de educação estão aprendendo o esporte de origem japonesa para, assim, disseminá-lo para a comunidade. O presidente da Ucens, Yoshio Haneda, também esteve presente e contribuiu com ensinamentos na primeira aula.

De acordo com o secretário de Esportes, Francisco Moko Yabiku, a modalidade trabalha o corpo e a mente, podendo ser praticado por pessoas de todas as idades em conjunto. "O objetivo é promover um esporte pouco conhecido no Brasil, apesar de muito praticado em clubes japoneses, que possibilita um exercício sem discriminação de idade ou condição física. Em Taiwan, por exemplo, existem equipes de cadeirantes de gateball", destaca.

O GATEBALL - O gateball foi criado em 1947 no Japão por Eiji Suzuki. O jogo era originalmente concebido para crianças, mas pessoas de todas as idades também se entusiasmaram pela modalidade, porque ele pode ser praticado mesmo em idade avançada. É fácil de aprender e não exige muito fisicamente. Além de possibilitar a prática entre a família, está lentamente se tornando um esporte de gerações. 

O gateball é jogado em uma quadra retangular de 20 a 25m de comprimento e 15 a 20 metros de largura. Cada quadra tem três gates (arco) e um goal pole (pino central). É jogado por dois times, vermelho e branco, de cinco jogadores. Os jogadores têm bolas numeradas correspondentes a sua ordem de jogo. A bolas são vermelhas ímpares e as brancas, pares. Os times marcam um ponto por bola rebatida com o stick (taco), que atravesse um arco e dois pontos por atingir o pino central. Um jogo de gateball tem duração de 30 minutos.


Votorantim compete em Travessias Aquáticas 

A cidade de Votorantim será representada neste domingo, na 4º Etapa do Circuito Paulista de Travessias Aquáticas, pela Equipe Sespol - Votorantim/Academia Ghimper/Costa Turismo, com os atletas José Marçal de Oliveira, Marcos Salvador de Oliveira e Leonardo Godoy. A etapa terá lugar na cidade de Ibiúna, na represa de Itupararanga.

O circuito, que conta com 10 etapas durante o ano, recebe atletas de todo o Estado de São Paulo e tem alto nível técnico. No ranking geral, Léo Godoy está em 2º lugar nos 500 metros; Marcos Salvador, em 3º lugar nos 3.000 metros; e José Marçal, em 1º lugar nos 1.000 e 3.000 metros. Os atletas esperam trazer bons resultados para Votorantim e subir no ranking em suas provas.


Ciclismo regional faz prova de resistência em Itapetininga

A equipe de ciclismo LCS/Ale Torres/Suplementos/PM Votorantim participa neste final de semana do Campeonato Paulista de Resistência e contra-relógio em Itapetininga. A equipe terá como representante o atleta Bruno Machado, pela categoria Universitário, em prova valida pelo Paulista de resistência. 

Diassis Silva e Fábio Camargo competem na categoria senior A, Paulo de Tarso pela categoria sub-30, Leonardo Ciandrini pela categoria Juvenil, Anderson Cardoso, Marcelo Clarim e Paulo Sérgio na categoria sênior B, Santino Ventura pela categoria Master C, além de Paula Pacheco pela categoria Infanto-Juvenil feminina. 

 
Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar