Quarta-Feira, 19 de Junho de 2019

Diário de Sorocaba

buscar

<< Pannunzio anuncia mais 2.160 unidades habitacionais

Publicada em 17/01/2013 às 21:43
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

As unidades habitacionais serão construídas na zona norte (Foto: Gui Urban/Secom)
O prefeito Antônio Carlos Pannunzio anunciou na manhã desta quinta-feira (17) a construção de 2.160 apartamentos para famílias de baixa de renda. O local onde serão construídas as unidades habitacionais será na zona norte. Este anúncio foi feito após reunião com a participação de representantes da Caixa Econômica Federal, do diretor da Cury construtora, Ronaldo Cury de Capua, além do secretário da Habitação, Hélio Godoy. Pannunzio informou que a Prefeitura oferecerá toda a infraestrutura para receber as unidades.

Elogiando o dinamismo da Secretaria de Habitação (Sehab), o prefeito afirmou que este foi mais um passo para concretizar um de seus compromissos de campanha. "Assumimos o compromisso de construir pelo menos 5 mil unidades habitacionais para a população de baixa renda em Sorocaba. Nos últimos dias do governo do ex-prefeito Vitor Lippi, assinamos convênio para a construção de 2.500 moradias e hoje fizemos o acerto final para a construção de mais estas 2.160", afirmou.

Segundo o secretário Hélio Godoy, o processo para a construção das moradias encontra-se em fase final. A CEF, por meio do governo federal, já aprovou recursos da ordem de R$ 76 mil por unidade e o governo do Estado, com o programa Casa Paulista da Secretaria Estadual de Habitação, vai liberar R$ 18 mil por unidade.

O próximo passo, ainda segundo Godoy, é avaliar a demanda que a construção das moradias irá gerar nas áreas de educação, transportes, entre outras, para que a Prefeitura esteja preparada para oferecer moradia de qualidade à população. Ele avalia que entre 30 e 45 dias o convênio poderá ser assinado, seguido da licitação. "A Sehab também pretende investir na parte arquitetônica e urbanística dos projetos, melhorando a qualidade da habitação", acrescentou.

PESQUISA HABITACIONAL - Hélio Godoy adiantou que sua pasta lançará nos próximos dias uma ferramenta que terá por objetivo conhecer a real demanda por habitação de interesse social. A previsão é de que em fevereiro a pesquisa esteja disponível no site oficial da Prefeitura (www.sorocaba.sp.gov.br) e nas Casas do Cidadão. "A pesquisa é imprescindível para a secretaria traçar as metas e objetivos na área da habitação em Sorocaba", salientou.

Godoy afirma que, com esse diagnóstico, será possível identificar a demanda por região e, por consequência, os primeiros bairros que serão beneficiados com os conjuntos habitacionais de menor porte.

VAZIOS URBANOS - Pannunzio pretende construir conjuntos habitacionais com menor número de moradias no que ele chamou de "vazios urbanos", que já usariam toda a infraestrutura existente na mancha urbana de Sorocaba. "Esses conjuntos menores já nasceriam integrados no contexto da urbe, com toda a infraestrutura e integrados à cidade."

 

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar