Sexta-Feira, 18 de Outubro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Preso na cidade integrante de quadrilha que roubava caminhões no litoral do Estado

Publicada em 23/08/2012 às 21:27
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Araújo ofereceu resistência ao ser preso em sua casa, no bairro Lopes de Oliveira (Foto: Fernando Rezende)
Uma quadrilha acusada por roubo e composta por quatro indivíduos foi desfeita pela Polícia Civil de Sorocaba no final da tarde de quarta-feira. Após acionados pela polícia de Registro, agentes locais conseguiram localizar José Barbosa de Araújo, 44 anos, vulgo “Barbosinha”, no bairro Lopes de Oliveira, e prendê-lo. Ele é acusado por integrar o bando que roubava caminhões e cargas em todo o litoral sul do Estado de São Paulo. As investigações apontam ainda que crimes praticados em Itu e Indaiatuba são de responsabilidade desta quadrilha.

A investigação sobre a quadrilha teve início em março no município de Registro, depois que um comerciante de 49 anos denunciou a ação do bando. Segundo a vítima, um desconhecido contratou seus serviços para transportar uma mudança em seu caminhão. Ao chegar ao local combinado, foi surpreendido por homens armados que entraram no caminhão e o levaram até um matagal. O comerciante disse ter sido ameaçado e amarrado, e que os criminosos lhe deram comprimidos para dormir e fugiram.

Quando descobriram que um dos integrantes dessa quadrilha residia em Sorocaba, os agentes da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Registro acionaram a DIG local, que, através do seu setor de capturas, conseguiu deter o acusado. No final da tarde de quarta-feira, os policiais seguiram até a rua José Muchon e na casa de “Barbosinha” foram recebidos por outros dois homens que se identificaram como irmãos dele. Anunciada a prisão do procurado, os homens tentaram agredir os policiais, e Araújo também resistiu. 

De acordo com José Urban Filho, delegado titular da DIG em Sorocaba, Araújo era considerado o braço direito dessa organização, devido à forma como agia nos crimes. “Ele é perigosíssimo, pois emprega inteligência e violência nos roubos que comete.” Ainda segundo o delegado, dos quatro integrantes do bando, três já foram identificados e dois estão atrás das grades. “Falta identificar um último integrante e prender dois, mas a quadrilha já está desfeita.”

Urban informou que os caminhões roubados, geralmente, eram levados para Santa Catarina (SC) e entregues a desmanches de veículos. “Barbosinha” foi transferido ontem para a cidade de Registro, onde já possui três mandados de prisão em seis crimes esclarecidos. Porém o delegado ressalta que a ficha criminal do acusado tende a aumentar com o andamento das investigações. “O setor de investigação da DIG continuará investigando a quadrilha devido aos crimes ocorridos na região de Itu e Indaiatuba. E tudo indica que a prisão do José possa esclarecer cerca de 10 ocorrências.”

  

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar