Domingo, 20 de Outubro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Cinemas recebem ‘um pouco de tudo’ nesta sexta: comédia, drama, documentário e comédia dramática

Publicada em 23/08/2012 às 21:25
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

A comédia “Um divã para dois”, de David Frankel (Foto: Divulgação)
Uma variedade de gêneros invade as salonas da cidade hoje. “Os intocáveis” (drama), “Um divã para dois” (comédia dramática), “Rock of ages: o filme” (musical), “O diário de Tati” (comédia) e o documentário “Soberanos 2 - A histórica conquista do Mundial de 2005” são as estreias desta sexta-feira nos cinemas de Sorocaba. 

Do alto de suas 17 indicações ao Oscar – recorde absoluto entre os atores de Hollywood -, com três vitórias – coadjuvante em “Kramer vs Kramer” (1979) e protagonista em “A escolha de Sofia” (1982) e “A dama de ferro” (2011) - Meryl Streep mantém uma notável disposição para alternar drama e comédia.

Mais uma vez ela faz graça, inclusive com as marcas visíveis da própria idade (63 anos), na comédia “Um divã para dois”, de David Frankel – diretor com quem ela já atuara em outro registro cômico, bem mais perverso, em "O diabo veste Prada" (2006).

Na pele de Kay, uma dona de casa doce, mas insatisfeita e disposta a sacudir a rotina, ela divide a cena com boa química com outro veterano, Tommy Lee Jones, vivendo o maridão acomodado Arnold. Ele é o tipo que faz todo dia tudo sempre igual. Acorda na mesma hora, senta-se calado na mesa do café com o jornal aberto, come seus ovos com bacon e parte para o trabalho.

Se Arnold não dá sinais de querer mudanças, Kay está no limite. São 31 anos de vida a dois, nos últimos tempos com quartos separados e distância física e afetiva. Naturalmente conciliadora, Kay não aguenta mais um dia esta situação. Raspa suas economias e compra um pacote de uma semana de terapia de casais no Maine, numa cidadezinha bucólica onde fica um prestigiado terapeuta, o dr. Feld (Steve Carell).

Durão, o marido resiste. Mas acaba cedendo. Nos primeiros dias, é o retrato da má vontade para discutir sua intimidade com um total estranho. Mas sente que, se não fizer um esforço, corre o risco de perder Kay. As cenas mais engraçadas estão nas tentativas de reaproximação entre o casal madurão, seguindo os exercícios propostos pelo dr. Feld – e isso acontece pela extraordinária capacidade dos dois atores principais de se entregarem aos seus papéis, sem medo de dar vexame.

Essa naturalidade conspira a favor do filme. Mesmo resistindo a um clichê aqui, outro ali, é difícil não ter simpatia por este esforçado casal procurando recuperar o calor da paixão.

Já o filme “Intocáveis”, considerado um fenômeno mundial, traz a história de um aristocrata que contrata um jovem para ser seu cuidador após um acidente de parapente, que o deixou tetraplégico. O que era para ser um período experimental, acaba virando uma grande aventura. Amizade, companheirismo e confiança são os elementos que transformam esse filme tocante e inesquecível.

O musical “Rock of ages” conta a história de uma garota interiorana, Sherrie, e de um garoto da cidade, Drew, que se conhecem no Sunset Strip enquanto buscam seus sonhos em Hollywood. O “romance rock and roll” é contado através de clássicos e canções emocionantes de Def Leppard, Joan Jett, Journey, Foreigner, Bon Jovi, Night Ranger, REO Speedwagon, Pat Benatar, Twisted Sister, Poison, Whitesnake e outros.

Na comédia brasileira “O diário de Tati”, Heloisa Perissé é Tati, uma típica adolescente que é incapaz de aprender matemática, mas inteligentíssima na hora de criar planos para fugir dos castigos da mãe. Durante o verão, ela quer esconder que terá de fazer recuperação em matemática e ainda tem que dar conta de conquistar Zeca, o garoto mais gato da escola. Baseado num quadro de sucesso, "O diário de Tati" brinca com os pequenos grandes problemas da adolescência.

E, finalmente, o documentário “Soberanos 2 - A histórica conquista do Mundial de 2005” refaz o percurso do São Paulo Futebol Clube até o campeonato mundial de 2005. 

  

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar