Sábado, 19 de Outubro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< TRE confirma candidatura de Pannunzio; ainda cabe recurso

Publicada em 23/08/2012 às 21:17
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

Candidato tucano tem voto favorável do presidente do TRE (Foto: Arquivo DS/Jota Abreu)
O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), desembargador Alceu Penteado Navarro, deu voto negando provimento a recurso que pedia a impugnação de Antônio Carlos Pannunzio (PSDB) e confirmou sua candidatura à Prefeitura de Sorocaba nestas eleições. Entretanto o autor do pedido ainda pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral. 

O ex-secretário municipal do prefeito Vitor Lippi, e atual candidato a vereador pelo PPS (coligado com o PMDB), Rodrigo Moreno, é um dos autores do pedido de impugnação da candidatura do tucano. A solicitação, entretanto, já foi rejeitada pelo juiz da 137ª Zona Eleitoral de Sorocaba, Pedro Luiz Alves de Carvalho, por isso Moreno recorreu ao TRE-SP, que agora também se manifestou contrário. A denúncia contra Pannunzio dá conta de que o ex-prefeito usou de recursos públicos para promover sua administração, e contratou funcionários durante o período eleitoral, o que é proibido por lei.

Os três desembargadores que votaram contra Pannunzio foram Diva Malerbi, Paulo Galizia e Clarissa Campos Bernardo. Galizia ainda pediu para reconsiderar a fundamentação de seu voto favorável ao recurso de Rodrigo Moreno, mas não chegou a alterar seu posicionamento. 

Mesmo com a possibilidade de recurso no TSE, a campanha de Pannunzio pode prosseguir normalmente, até a decisão final da instância maior da Justiça Eleitoral. O mesmo acontece com o candidato Renato Amary (PMDB) que, ao contrário do tucano, teve seu registro indeferido pelo TRE-SP, mas também tem a possibilidade de recorrer ao TSE. Os advogados do peemedebista estão confiantes na reversão da decisão.

DONIZETI – O vereador João Donizeti (PSDB) também está com sua candidatura impugnada. A denúncia partiu do advogado, candidato a vereador, Michel Straub, do PRTB, sobre a rejeição de contas da Câmara Municipal de Sorocaba em 2004, quando Donizeti a presidia. Fora isso, ele teria deixado de juntar documentos que comprovariam a regularidade de sua situação perante a Justiça Eleitoral. Durante a sessão de ontem na Câmara, Donizeti afirmou que vai recorrer ao TSE. 

 

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar