Domingo, 15 de Setembro de 2019

Diário de Sorocaba





Leia a edição impressa na íntegra


Clique aqui para acessar a edição do dia
buscar

<< Suspensa greve no transporte rodoviário e fretamento

Publicada em 25/10/2010 às 19:43
Compartilhe: IMPRIMIR INDICAR COMENTAR

(Foto: Pedro Henrique Negrão)

O Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região optou, no final de semana, por suspender as paralisações previstas para acontecer nas linhas rodoviárias da empresa Auto-Ônibus São João, previstas para a partir da tarde de ontem, e no setor de fretamento da mesma empresa e da empresa Jundiá Transportes, a partir da tarde de domingo.

O Sindicato esteve reunido no final da tarde de sábado com a diretoria da empresa São João, que assinou o Acordo Coletivo de Trabalho do setor rodoviário conforme negociado e aprovado na data-base deste ano, que é 1º de maio. Também participou da reunião um representante do setor de fretamento da empresa Jundiá Transportes. No caso do fretamento, ambas empresas assumiram o compromisso de resolver os problemas apontados pelo Sindicato na notificação de greve.

As dobras de jornada e utilização de trabalhadores do setor urbano nas viagens de fretamento, nos seus dias de descanso, pelo acordado serão suspensas imediatamente. As demais irregularidades serão discutidas em reunião marcada para a próxima quinta-feira, às 10 horas, na sede do Sindicato, na Vila Amélia. Participarão também da reunião representantes das empresas de ônibus Rosa e Reunidas Paulistas, que também prestam serviço de fretamento no Município e, segundo levantamento do Sindicato, também apresentam problemas semelhantes aos das empresas São João e Jundiá.

IRREGULARIDADES - O Sindicato dos Rodoviários informa que levantou muitas irregularidades praticadas pelas empresas do setor de fretamento em Sorocaba, como excesso de jornada, supressão de intervalo interjornada, pagamento incorreto de horas-extras e pagamento de horas-extras `por fora' do holerite, não pagamento de DSR's mais reflexos atrasados,, motoristas e funcionários internos do Caixa Único do Sistema de Transporte Urbano de Sorocaba prestando serviço para os setores de fretamento e rodoviário, trabalhador sem registro em CTPS e prática de descontos indevidos por conta de acidentes, avarias e desgastes de peças na empresa São João. Na Jundiá Transportadora Turística, desvio de função (mecânico exercendo função de lavador), excesso de jornada, supressão de intervalo interjornada, pagamento incorreto de horas-extras, motoristas e funcionários internos do Caixa Único do Sistema de Transporte Urbano de Sorocaba prestando serviço para o setor de fretamento, excedendo em muito a jornada de trabalho; e motoristas de veículos de pequeno porte (micro-ônibus) trabalhando com ônibus convencional.

Não há comentários nessa notícia.Seja o primeiro a comentar